sexta-feira, 2 de abril de 2010


É tempo de confraternizar, e de comer chocolate. Ah, claro, e peixe. Tudo isso tem sua simbologia, mas eu pergunto: O que fazer com o coelho? Passa a Páscoa e o coitado fica lá, esquecido, esperando o próximo ano chegar.
Mas eu vou salvar você, “ kitty”. Pelo menos eu não vou me arrepender! Nossa, estou pensando aqui que crueldade falar assim... E a outra pergunta: Você já comeu coelho? Eu perguntei se já comeu! Não perguntei se já preparou! É uma DELÍCIA !!!!!!! A carne tem uma textura de frango, mas o sabor é exclusivo.
Essa receita aprendi durante o curso e foi a primeira vez que comi coelho.
Não abandone o bichinho até chegar o próximo ano.

Happy Baking !!!!!

Coelho com frutas secas

Corte um coelho de tamanho médio nas juntas (como um frango a passarinho). Tempere os pedaços com sal e pimenta.
Aqueça uma panela de fundo grosso e coloque um pouco de óleo.
Passe os pedaços de coelho na farinha de trigo e coloque alguns pedaços na panela quente para selar (dourar de todos os lados em temperatura alta). Vai retirando os pedaços dourados e colocando outros.
Em outra panela coloque um fio de óleo, cubos de cebola, cenoura e salsão. Vá mexendo até caramelizarem (dourados). Junte 1 colher de extrato de tomate e deixe por uns dois minutos. Acrescente 500 ml de vinho tinto seco e 500 ml de água fria e raspe bem o fundo da panela. Junte os pedaços de coelho separados, 1 pau de canela e ½ laranja. Quando começar a ferver, tampe a panela e coloque no forno já quente a 200 graus. Deve ficar no forno por uns 40 minutos.
Tire do forno, separe os pedaços de coelho e coe o caldo.
Engrosse o caldo com um pouco de farinha de trigo, diluída em água fria, até que fique na consistência de molho. Junte ao molho frutas secas (damasco em pedaços, ameixa sem caroço, uva passa..). Ajuste o tempero do molho com sal e pimenta, se necessário.
Arrume os pedaços de coelho em uma travessa e cubra com o molho.
Sirva com cuscuz marroquino (fica delicioso) ou um purê de cará.

Um comentário:

  1. Fizemos aqui em casa e ficou ótimo. A carne é mesmo muito saborosa. Obrigado pelas dicas! Luis Felipe Lück

    ResponderExcluir